segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Cuide de seu próprio rabo...

Old couples...







































 Fui com meu velho na farmácia, buscar umas vitaminas.Aqui em HK, farmácia vende de um tudo,até comida, é uma loja deconveniência completa, digamos assim.Por exemplo, no verão, vende óculos e estaira de praia.
Bom, peguei a vitamina e indo em direção ao caixa, um produto me chamou a atenção.
Era um gel lubrificante, com sabor morango e Pinã colada!Custavam 25,00 HKdollares cada.
Chamei o marido e mostrei, e enquanto ele analisava o produto, outro me chamou a atenção,chamado PLAY O , por ser da Durex (lembram que eu já falei do play touch, vibrador de dedo que A_M_O de paixão?).

Foi assim que descobri que mulheres são facilmente enganáveis, caem em qualquer conto, quando alguém lhes promete o que elas querem.
Olhe o que diz a embalagem:(traduzido)

"PLAY O foi criado e testado por mulheres ,para mulheres, usando uma unica combinação de ingredientes formulados para estimlar, aumentar o desejo E TRAZER O MAIS INTENSO ORGASMO, COMO VOCÊ NUNCA EXPERIMENTOU".

Rá, rara, lóóógico que eu comprei né?Se orgamo normal já é bom, imagina esse então!
Comprei, paguei 125,00HK dola por ele.(Dava pra comprar um vibrador por esse preço)

Nem aguentava mais para chegar em casa, fazer a janta, servir, lavar a loça, por as crias para dormir. e finalmente experimetar o melhor e mais intenso orgasmo EVER!
Bom, passei o troço enquanto o marido tava no banheiro, esperando a coisa mais boa do mundo, mas o que eu senti, foi só que a coisa esquenta a bu***, e mais nada.esfreguei, siririquei, chamei o marido, disse para ele mexer também,viramos reviramos, passamos mais creme, e nada demais.
Só a mesma velha buc** de sempre, só que com gelol, digamos assim.
Eu comecei a rir, me sentindo muito enganada, no que meu marido diz:
-Viu? Se a gente tivesse pegado o de pina colada, dava até para botar um rum!

aiai...

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Impunidade, esse é o horror!

Impunidade, esse é o horror!

Do Balu.
Não poderia ter dito melhor.Violência é violência, não interessa a quem.Esse é o básico,isso deve ser punido.E agresão por intolerância, motivo torpe,mais pesada a pena.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

O cansaço


Olha, queria dizer m milhão de  coisas boas, pra chutar para longe toda a chatisse e o aborrecimento das pessoas.
Mas não consigo, não tenho poder sobre  as dúvidas e tudo aquio de bom e ruim que tenho pelo caminho hoje, para mim mesma.

Mas tenho algumas coisas que me incomodam.

Um, como as palavras são interpretadas hoje em dia.Como palavras de um significado só.
Uma  limitação que não sugere pensamento.Muito menos campos de ação.
Se você pensar um minuto, vai saber quais são, e quem sabe, descobrir outras, que assim como a palavra julgar, são sempre entendidos como avaliar negativamente deixando a palavra manca , rigida e desprovida de seu mais importante  significado.

Dois, o orgulho, que entrava a visão da mais brilhante das pessoas, a sua, a minha, podendo transformar uma pessoa  num monstro capaz de destruir Tóquio...Tamanha a dor que ele causa quando tocado.

Três, a falta de uso da verdade. A mentira tem ganho, e é util a todos.
A verdade, esta está virando desconforto, e sendo combatida em muitas áreas importantes das vidas das pessoas.Com a verdade vem a responsabilidade, e parece que muitos preferem não tê-la.
Ainda bem que não a todas.Tem muita gente capaz de dizer o que sente, conhecer suas fraquezas, seus limites,sem ter medo.



Então, fico a pensar que o medo, gerado  pelo poder de rótulo das palavras de um sentido só,aguça  a dor do ego das pessoas e a necessidade de estar certo e ser bacana, fazendo com que mintam, até quase o ponto de nem saberem mais quem são.(ai, enlouqueceu e não sabe essa que vos escreve)

Então, descubro que o que eu mais quero, e ando querendo consistentemente, é poder dar um colinho a todos os doloridos, seja lá pelo quê for, que no fundo, me mostra que quem mais deseja um colo, nesse planeta em que vivo, sou eu mesma.

Preciso de férias...
Ps:Meu maravilhoso ursistico artistico marido criou um Blog,(que está em inglês, por enquanto, logo ele bota tradutor,nego chique), com dicas de fotografia de casamento e  foto em geral.

http://www.viniciusvalle.com/blog/





 

No Planeta dos Macacos, mulher incendeia a própria casa para afugentar perereca

Do Pensar não dói.
Vai lá,

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

domingo, 7 de novembro de 2010

sábado, 6 de novembro de 2010

Vou com ele!


Tango do Meretrício

João de Almeida Neto

Composição: Luiz Bastos / Mauro Ferreira
Rasguei a certidão de casamento
Finquei o braço na mulher
Foi um gritedo, vesti uma fatiota elegante
Despachei duas amantes e me mandei pro chinaredo

Não há lugar melhor que o meretrício
No vício é que eu encontro meu papel
Me enfrasco e canto um tango pras gurias
Que eu sou filho de uma tia da empregada do gardel

Desde guri eu nunca fui um bom sujeito
Pois a falta de respeito sempre foi minha vocação
Me lendo a mão uma cigana disse tudo
Ou capam esse cuiúdo ou emprenha toda nação

Dizem que bom eu só vou ser depois de morto
Porque pau que nasce torto não dá mais prá endireitar
Eu sou teimoso e por não concordar com isso
Me mandei pro meretrício e fico até desentortar

Amanhã minha mulher que é uma cruzeira
Vai reunir a família inteira prá tentar me redimir
Mas eu garanto que enquanto tiver dinheiro
Nem que chamem os bombeiros não me tiram mais daqui

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Seguindo conselho..

A Dama, do Confissões ácidas , já tinha me dito isso, mas eu tansa como de costume, nem me manquei.
 m

























Mas é simpres!
Vai em configurações, clica em comentários, e marca NÃO na verificação de palavras.

é bom para quem gosta

No meu  blogroll,o ultimo , e muito bom,É bom para quem gosta...

"Você constrói mil pontes e ninguém te chama de engenheiro, mas chupe um pinto, e você é uma bicha pra sempre."


Vai ler tudinho lá(ou assistir o video)! 

Human/Need/Desire   this isn't happiness.™

Human/Need/Desire this isn't happiness.™

Eu tenho que..

Eu tenho que aprender cantonês.
Preciso, mas é tão difícil que tá me faltando a coragem..E eu sei que se eu insistir, eu pego, mas a incerteza dessa vida de expat me paraliza um pouco, me retarda a ação.E para isso eu preciso de tempo, uns dois anos para um cantonês sofrível...
Se eu soubesse inglês quando cheguei aqui, teria sido mais fácil, mas eu tive que aprender o inglês primeiro, e isso tomou tempo.
E sim, eu tenho problemas com o tempo.Por alguma razão, nunca consigo tempo para matar tempo. Ele é sempre curto para mim, e eu estou sempre vendo-o passar, mesmo que eu tenha uma hora para esperar, essa hora vai muito rápido, e eu sempre acho algo que  encha os segundos, os minutos, sempre.
Pode ser alguma sindrome de ansiedade, ate já pensei nisso, mas percebo que minha percepção de tempo é ligeiramente diferente dos demais.(entre outras percepções,Aspenger, com quase certeza).
Bom, e não é só isso.Tem muita coisa rolando no momento.Muuuuuita


Então ,como não posso contar as barbaridades que estão na minha cabecinha enlouquecida aqui,nem o de bom demais que está acontecendo na realidade  (quem sabe começo outro blog)posto mais fotinhas de HK.
bjobjo






NeoCounter