sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Terceira idade,

A velhice tem que ter algum sentido, algum fundamento mágico.
O invólucro decai, mas a sensação é a mesma de sempre.
O que vai ser de mim quando estiver com oitenta?(principalmente se não mantiver meu velhinho tarado saudável ?)
Quando criança, eu achava que a velhice era como uma adolescência,só que no sentido inverso.
Para provar que não mudei, continuo achando.
No adolescer, deixamos de ser incapazes e dominados pelos pais ,queremos ficar com os amigos e assumir o controle das nossas vidas.Vamos criando responsabilidades e assumindo fardos.
Quando envelhecemos,os parentes concluem que somos incapazes de certas coisas, e que devemos ser cuidados de perto.
Desistimos do controle das coisas,pois isso consome energia,e já sabemos que não podemos controlar tudo, e vamos delegando as responsabilidades,na medida do possível.
Só o que continua igual é a vontade de ficar com os amigos.
Gradualmente,voltamos á condição de crianças,só que já despertas para as belezas da vida.
Tinha uma senhora que me dizia,quando me achava feia e tal:
Minha filha, isso é só perda de tempo.Bonita é a juventude!
Não importa se teu nariz é torto,tua perna grossa e tua bunda grande.Esquece isso tudo, pois a juventude acaba,é linda por sí só, e se não a aproveitares, olharás para trás e sentirás falta do que não aproveitaste por vaidades tolas.
Mas e o sexo?.
Já estou vendo a minha cara,ao entrar na geriatria e perguntar no balcão da recepção quais os estimulos oferecidos pela casa para promover orgias geriátricas...
Sifu.
Melhor esperar para ver.

3 comentários:

Paulo Braccini disse...

caracolis ... adorei isto ... nada impede que possamos viver intensamente hoje e amanhã ... muito menos a idade ... basta querermos ... ainda acredito nisto ...

bjux

;-)

Dama de Cinzas disse...

Tenho pânico da velhice, total e absoluto, não de pessoas velhas, mas da minha velhice!

É um assunto delicado pra mim!

Beijocas

Santinha disse...

bom amiga nem sei o que dizer sobre essa conclusão fatal, mas o causo é que adolescência precede a maturidade e hoje nos 50 afirmo também que existe a envelhescência fase que precede a velhice.

Como são fases preparatórias, digamos assim, adolescência e envelhescência guardam semelhanças empiricamente verificáveis que atestam sua existência real, ainda que não reconhecida pela medicina e a psicologia.
Menopausa por exemplo, não é tara, mania ou doença - é só a envelhescência chegando, ou melhor, alcançando uma fase em que os óculos e os cabelos grisalhos (devidamente pintados de loiro) trarão uma impunidade respeitável que tornará todos os crimes afiançáveis. Ahahah!!!

A recompensa é o surpreendente sentimento de orgulho da nossa individualidade duramente conquistada. A grande recompensa por ter 50 anos em uma sociedade que vive e respira o culto ao corpo é que você se importa menos com a crítica e tem menos medo do confronto.

bjk

NeoCounter