sábado, 9 de maio de 2009

Ah, bruta flor do querer
















Armação do Pântano do Sul, Rio Sangradouro.Sc,Brazil


Eu preciso escrever,senão entupo o HD da minha cabeça.
Gostaria de me mover já, mas a situação é de espera.
Eu quero não dormir, mas morro de sono.
Eu tenho grandes planos, mas não tenho o dinheiro para tira-los da minha cabeça.
Eu queria muitos amigos, mas descobri que estes são poucos,
e os filhas das putas são muitos.
Eu queria sentir saudades, mas não sinto.
Queria nominar,e não tenho palavras.
Gostaria de ter medo, mas não tenho.
Queria sentir essas coisas, mas a esperança não deixa.
Ocupa minha cabeça, manipula minha imaginação,
e me faz dar o primeiro passo rumo ao desconhecido,
excitada e feliz.
Aprendi a degustar o caos.
No momento, enrolo minhas frustrações na mão,
feito docinhos,
que comerei num dia de festa!

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

NeoCounter