quinta-feira, 30 de abril de 2009

Matrimônio

Eu queria vadiar, por muitas horas com você.
Passaríamos o dia deitados, sem roupa.
E eu pentearia teu pêlos com a lingua.
Vai ser duro esperar até julho por este dia.

Ignorância

foto minha,pier do Yat Tung

Eu tolero certos tipos de ignorância.
Confesso.
Não a ignorância que gera crimes de ódio,
de gênero,crença,ganância,de estreiteza de pensamento,ou sentimento.
Eu aceito a ignorância inocente,que acontece simplesmente
por não saber, não conhecer,um vácuo.
Gosto da ignorância fácil de escandalizar,barbarizar e mandar embora.
Certas pessoas carregam a sua ignorância como uma capa, um manto.
Cobre a visão,impedindo o contato com conhecimentos que atribulam a alma,
mas é facilmente erguido, e este ao conhecimento alcança .
Com um jorro de luz,atinge e invade.
Outros, a usam como armadura.
E realmente, ela é resistente, imbatível.
Nada consegue ergue-la.Está tão vestida, como a pele veste o corpo.
Nada penetra.E não importa quantas vezes se faça a luz.
Serve como filtro, e tudo que penetrar, será deturpado, para caber lá dentro.
É do tamanho exato da alma que a veste, humana.
Mil vezes o olhar estupefato e pateta,de quem descobre algo nunca antes imaginado,
Do que o olhar superior, de quem diz que é assim,sabe tudo, e está sempre certo.
Repete tudo o que aprendeu,porque assim é o certo.
E o que reveste a ignorância de uns, e não a de outros,
É uma dura camada de preconceito.
E eu, admito-me ignorante.
Todos somos ignorantes de alguma coisa.
Só o preconceito nos impede de erguermos o véu mais vezes.
E também confesso,queria abrir meus olhos ao mundo,
tomar conhecimento das coisas,
e não chorar.

De curiosidade,fui olhar minhas postagens no mês de março, e descobrí que não escrevi nada que presta esse mês.No básico, só copiei.
Vou por a culpa na minha infecção renal.Fácil, facinho.
Mas na real, vou te falar, o que eu queria mesmo ,mas de verdade, é poder, por um dia,ler os pensamentos das pessoas.
Hoje estava eu no metrô,sentadinha, com minha cara de ser de outro mundo habitual,e fiquei só cuidando os chinos que passaram todo o tempo olhando para mim.
Uns até tentam disfarçar, mas não conseguem.
Devo ter um tipo de feiura atrativa,imagino.
O tiozinho do meu lado foi fazendo a maior ortóptica, até porque ele era o coitado que estava ouvindo o que vazava do meu i pod,que tocava a todo volume.
Eu só cuidando os zóinho dele pelo espelho do vidro.
Cheguei ao meu destino, um hospital lotado, todo mundo de máscara, já com medo do novo surto de flu.
Na saída, acontece a coisa incrível.
Peguei um taxi com o mesmo motorista,duas vezes em HK, em tempo e lugares distintos.
Se alguém já conseguiu essa façanha,que me conte.
Mas não valem os motoras de Lantau, tá?

Putz, eu tô muiiitooo velha!

Telefone toca, eu atendo.
-Alô.
-Alô, mãe?Sou eu, posso ir na casa do Angus?
- Ele te convidou?
-Sim
-Então pode , mas não volta tarde.
-Tá, mas amanhã tenho que estar em DB a 1:30,tá? Tem festa na Marina.
_Quem te convidou, o Angus?
-Não, outra colega,
-Quem?
-Tu não conhece.
-!!!!!.......
Com onze já está assim, imagina com 17.....

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Afinidades

A afinidade não é o mais brilhante, mas o mais sutil,
delicado e penetrante dos sentimentos.
E o mais independente.
Não importa o tempo, a ausência, os adiamentos,
as distâncias, as impossibilidades.
Quando há afinidade, qualquer reencontro
retoma a relação, o diálogo, a conversa, o afeto
no exato ponto em que foi interrompido.


Afinidade é não haver tempo mediando a vida.
É uma vitória do adivinhado sobre o real.
Do subjetivo para o objetivo.
Do permanente sobre o passageiro.
Do básico sobre o superficial.


Ter afinidade é muito raro.
Mas quando existe não precisa de códigos
verbais para se manifestar.
Existia antes do conhecimento,
irradia durante e permanece depois que
as pessoas deixaram de estar juntas.
O que você tem dificuldade de expressar
a um não afim, sai simples e claro diante
de alguém com quem você tem afinidade.


Afinidade é ficar longe pensando parecido a
respeito dos mesmos fatos que impressionam comovem ou mobilizam.
É ficar conversando sem trocar palavras.
É receber o que vem do outro com aceitação anterior ao entendimento


Afinidade é sentir com. Nem sentir contra,
nem sentir para, nem sentir por, nem sentir pelo.
Quanta gente ama loucamente,
mas sente contra o ser amado.
Quantos amam e sentem para o ser amado,
não para eles próprios.


Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo.
É olhar e perceber.
É mais calar do que falar, ou, quando falar,
jamais explicar: apenas afirmar.


Afinidade é jamais sentir por.
Quem sente por, confunde afinidade com masoquismo.
Mas quem sente com, avalia sem se contaminar.
Compreende sem ocupar o lugar do outro.
Aceita para poder questionar.
Quem não tem afinidade, questiona por não aceitar.


Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças.
É conversar no silêncio, tanto das possibilidades exercidas,
quanto das impossibilidades vividas.


Afinidade é retomar a relação no ponto em que
parou sem lamentar o tempo de separação.
Porque tempo e separação nunca existiram.
Foram apenas oportunidades dadas (tiradas) pela vida,
para que a maturação comum pudesse se dar.
E para que cada pessoa pudesse e possa ser,
cada vez mais a expressão do outro sob a
forma ampliada do eu individual aprimorado.

Artur da Távola

Again

Foto : Vinicius Valle
Chegar em casa, largar as malas, cair no sofá, e perceber que foram só dois anos que se passaram.
De volta ao ponto onde abandonei minha vida ,mudei de tudo,de comida,de lingua ,de ar, de país, de forma.
Descobri que o respeito á cultura e tradição ,são o que formam um povo.Une ricos e pobres,comunhando em culura, que não morre,que perpetua-se,por milênios.
Agora, de volta ao mundo onde a cultura dura 15 minutos,ou o período que dura a novela, ou o BBB.
Aonde a cultura é africana,americana, italiana,japonesa,mixigenada,desunificada.
Diferente em cada estado e região.
Onde tudo é claramente tão dividido entre a impotência e o poder.
Um lugar aonde vc não vem só para viver, vem pra lutar.
Contra as máfias da política, da (in) justiça,contra a mentira , a fatalidade do abandono á própria sorte,da violência e do jeitinho brasileiro.
Mas continua sendo um lugar maravilhoso,lugar ao qual pertenço, pelo qual vale a pena lutar.
Estou de volta, onde tudo começou, pronta pra começar de novo.

terça-feira, 28 de abril de 2009

povo que quer crescer

Horror na blogosfera!

Gente, deixa eu dizer, até porque não aguento sem dar pitaco.
Volta e meia surrupio posts de alguém que considero bacana, ou que sabe escrever legal e diz aquilo que eu penso, mas não tenho competência de escrever.É o chamado Kibar.
Então vou lá e dou uma pedinchada pra ver se rola.Se rolou, legal,copio o post com cabeçalho e tudo e ponho lá.Acho lindo isso.Aí então, um dos blogs de que gosto liberou um post e veio olhar o muquifo, e me aconselhou a dar uma organizada.
Lóógico que corri pra fazer isso, fui pesquisar para aprender alguma coisa,organizar a bagunça, sabe como é, você bota outra pessoa alí, tem que no mínimo estar decentinho.
Foi então que descobrí que existem termos para designar os pobres medíocres como eu.
No mundo dos blogueiros que fazem isso como meio de vida, tem um monte de termos para rotular os que não são maravilhosos como eles.
Eu, por exemplo, sou salsinha.Tem paraquedista,troll, um monte de rótulos que mostram como os caras se sentem grandes.
Tenho que dizer que aproveitei muito as noções básicas que um deles disponibilizou em PDF, pra galera não fazer feio nem errado, mas de resto, PUÁ quase vomitei de indignação.
Viu, a ignorância pode ser uma benção!
Eles sinceramente pensam que o universo é deles e que vc não tem o direito de manter seu diariozinho cafona se você quiser!
E eu , inocentinha achava que as pessoas faziam isso principalmente porque dá prazer(além de uma graninha,pra quem quiser faze-lo assim.)
Sinceramente, meu unjoin neles!!
Fui!

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Material pra pesquisa!

Recebi por mail, não chequei a veracidade,se alguém souber a fonte, me diga

Herança do deputado Clodovil Hernandes

Clodovil é uma figura inegavelmente polêmica. Mas tinha idéias e coragem, além das suas contradições, tão humanas. Inteligente, com um senso crítico aguçado, ele dizia o que os outros apenas pensavam...
Em Julho de 2008 o deputado Clodovil Hernandes apresentou à Mesa da Câmara proposta de emenda à Constituição (PEC) para reduzir o número de deputados de 513 para 250. O projeto teve o apoio de 279 parlamentares (eram necessários 172 votos para que fosse apresentado). Não passou, por interesses óbvios. De novo é o gato tomando conta do peixe.
Pelo projeto, nenhuma Unidade da Federação poderá ter menos de 4 deputados nem mais de 35. Hoje, a menor representação tem 8 e a maior, 70. Se a PEC passar, haverá corte de 263 deputados e redução de gastos, só em despesas com os parlamentares, de R$ 26,3 milhões por mês. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Vamos divulgar e apoiar? A idéia é ótima!!!!
Fui pesquisar o custo de cada parlamentar brasileiro, e de acordo com a ONG Transparência Brasil o custo de cada deputado é de R$ 6,6 milhões por ano! E o custo de cada senador é de R$ 33,1 milhões por ano. (ver anexo)
Se a emenda Clodovil passasse, reduzindo pela metade o número de parlamentares, e supondo que isso pudesse ser feito tanto na Câmara quanto no Senado, teríamos uma economia de aproximadamente R$ 3,1 BILHÃO DE REAIS!!!
Isso dá mais ou menos R$ 17,00 por habitante.
Já que o gasto público com saúde é de R$ 0,64 por habitante, veja o que a economia com os parlamentares pode proporcionar!!! (No Brasil, segundo o sindicato dos hospitais de Pernambuco (Sindhospe), "para um gasto total de U$ 600 per capita/ano (em saúde), apenas US$ 300 vêm do setor público. Destes, apenas U$ 150 são investimento federal, ou seja, U$ 0,40 por cidadão brasileiro".)
Daria para multiplicar a verba hospitalar atual por habitante por mais de 26 vezes!!!!
Além disso, teremos menos chance de corrupção, menos políticos para controlar.

Divulguem, se concordarem.

Quem sabe a maior obra do Clodovil não será póstuma ?

sábado, 25 de abril de 2009

Saturday, 25 April 2009

seis verdades!

Seis verdades que não podem ser contestadas...

1ª Verdade:
Ninguém consegue tocar em todos os dentes da boca com a língua.

2ª Verdade:
Todos os idiotas, depois de lerem a 1ª verdade, tentam tocar com a língua
em todos os dentes que têm na boca...

3ª verdade:
Descobrem que a 1ª verdade é mentira.

4ª Verdade:
Começam a sorrir, porque concorda que é idiota,

5ª Verdade:
Tá pensando pra quem vai enviar essas verdades.

6ª Verdade:
E continua com o sorriso de idiota na cara!

0 extensões:

sexta-feira, 24 de abril de 2009

o outro dentro de nós

Aos intimos, aviso que comecei outro blog, mas esse é só do além,coletânea de tudo que já me aconteceu de pirado, ontem hoje, e quem sabe, por acontecer.
Continua doendo, talvez por isso, comecei a descrever o que acontece do outro lado,que só eu vejo.
Se o mundo é muito estranho,eu sou mais.
bom, estou escrevendo pra enganar a dor,não vai sair nada que preste mesmo, então, desisto.

house of pain

AAAAAAAAAAAIIIIIIIIIIIIIIII
AAAAAIIIIIIIIIIIIIIIIAAAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
AAAAAAAAAAAAAAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
AAAAAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
AAAAAAAAAUIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
AAAAAAAAI
É, tá doendo....
Se doer mais eu conto depois

terça-feira, 21 de abril de 2009

O que acontece

Tenho uma bronca danada com covardia.Diferente de não ter coragem de enfrentar e deixar isso claro fugindo, por exemplo.
Mas com quem não toma posição na vida, e finge que tem uma.Toma atitudes que não servem para sí, e nem percebe a dignidade, junto da chance de ser feliz, de viver plenamente, indo embora.
Isso que eu não gosto tem a ver com a falta de honestidade para consigo mesmo.
Das piores coisas que já ví saindo de bocas humanas,cito algumas:
-Só não me separo porque ele vai ficar livre, e eu ,vou ter que ficar com essas crianças!
-Não tenho um casamento, tenho um negócio!
Da bocas masculinas , perceba a sutil confusão.
-Nunca mais visto a camisa da empresa!
A "camiseta "de vestir primeiramente tem que ser a sua!Se vc trabalha com amor, a empresa é só o veículo para o seu trabalho,seu espaço para fazer o que gosta e faz bem.E tem a vantagem de ser muito mais fácil de se desligar do que um casamento!
Então, o que faz as pessoas viverem assim?Meia vida,é melhor que nenhuma?Por acaso se morre quando se decide fazer o que nos faz bem?
Qual a diferença entre essas mulheres que disseram isso e as prostitutas?
As prostitutas são honestas!

domingo, 19 de abril de 2009

Conflito internacional

Enton, hoje, foi minha primeira vez como mediadora de conflitos internacionais!
Foi um grande problema pré adolescente Koreano!Mas foi resolvido, graças á Deus,e o menino lindo voltou para casa, morrendo de medo da mãe, mas criou coragem e foi.
No fim, foi ótimo, pois pude abraçar e beijar aquele menininho lindo(tia pedófila mode off, não se preocupe)bastante.
Agora estou mais aliviada, se é que alguém consegue ficar relaxada de TPM!
Coisas da vida!

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Ai,fofoca!

Bom,pois é,como sempre digo,fico impreeessionada com a velocidade que os fatos em torno da minha vida correm entre bocas e ouvidos de Matildes!!
Pior é descobrir que quando você faz coisas que os outros não tem coragem de fazer, eles te desprezam,falam de vc,e não se aguentam de curiosidade para saber tudinho sobre a sua vida!
Tããão feio, e pior, todo mundo percebe!
images

Click Here For Funny Images at GraphicsHunt.com
Funny Criticize Quote

quinta-feira, 16 de abril de 2009

o problema

recebido by mail,anônimo,até que alguém prove o contrário.

Um rato, olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e sua esposa abrindo um pacote. Pensou logo no tipo de comida que haveria ali.

Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado.

Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:

- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa !!

A galinha disse:

- Desculpe-me Sr. Rato, eu entendo que isso seja um grande problema para o senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda.

O rato foi até o porco e disse:

- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira !

- Desculpe-me Sr. Rato, disse o porco, mas não há nada que eu possa fazer, a não ser orar. Fique tranqüilo que o Sr. Será lembrado nas minhas orações.

O rato dirigiu-se à vaca. E ela lhe disse:

- O que ? Uma ratoeira ? Por acaso estou em perigo? Acho que não !

Então o rato voltou para casa abatido, para encarar a ratoeira. Naquela noite ouviu-se um barulho, como o da ratoeira pegando sua vítima.

A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pego.

No escuro, ela não viu que a ratoeira havia pego a cauda de uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher… O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital. Ela voltou com febre.

Todo mundo sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha. O fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente principal.

Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la.

Para alimentá-los, o fazendeiro matou o porco.

A mulher não melhorou e acabou morrendo.

Muita gente veio para o funeral. O fazendeiro então sacrificou a vaca, para alimentar todo aquele povo.

“Na próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acreditar que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que quando há uma ratoeira na casa, toda fazenda corre risco. O problema de um é problema de todos.”

Filmão!



Vai lá e assiste!Vai morrer de rir!Ou de medo!

quarta-feira, 15 de abril de 2009

indo com o vento!

Pois é...Estamos voltando ao Brasil!
Mil coisas á fotografar, para lembrar esta cidade maravilhosa, as pessoas especiais que conhecemos aqui,mas o fundamental é a experiência de vida que ganhamos,e as possibilidades que se abrem á nossa frente.
Tudo novo, tudo de novo,estão abertas as portas da aventura!Desenham-se desafios,aparecem oportunidades nunca antes imaginadas!
Hora de usar tudo que conhecemos, criar novos projetos,e aplicá-los na vida.
Enquanto as pessoas buscam estabilidade,acomodam-se,e sentem se confortáveis na mesma vida por décadas,nós fazemos o oposto.
Vou tentar descobrir qual foi o ancestral cigano que nos deu essa herança!
Mas lembrem-se,amigos,sempre terei vocês em minhas orações,onde quer que eu vá viver,vou arrumar um quartinho pra vcs, caso precisem de férias!Serão sempre bem vindos!


segunda-feira, 13 de abril de 2009

sem nexo,direção ou assunto...

tralállá!Quero escrever mas nem sei mais o quê, acho que é o caso de vazamento da paciência,
ou má vontade, sei lá!
Queria sentar a marreta em uns,mas são tão esmagados pela sua própria existência inútil que nem adianta!
Gostaria de urrar contra a ignorância de outros, mas,pra quê?Umbigo é surdo, então, não adianta nada também!
E aqueles então, que vc nunca viu, se viu ,nem cumprimentou simplesmente por não saber quem é, que chega, vai falando com vc,nem se apresenta, e já ouviu tanto falarem de vc, que nem se liga que vc não o conhece ainda!Interessante,inclusive me disse que meu cabelo ficou ótemo!(nunca me viu de outro jeito!)Assim você fica sabendo como você é perturbadora!
Quer saber,êta povinho besta!
Pior é que nem se dão conta!Devem achar engraçadinho!hahahahaha
Vão tomar nos seus cuzinhos, mas aposto que disso não gostam!Na minha mente,consigo ver a cena:
Quanto mais certas e donas da verdade as pessoas são,começo a imagina-las calçando uma plataforma colorida!Tipo sapatão plataforma mesmo,fico vendo elas andando em cima dos sapatões!Tem cada um alto que vc nem imagina!Fico só rindo, pensando como seria engraçado se as pessoas pudessem ver pelos meus olhos!Se pudessem, aposto que já teria sido assassinada!
No mais,boring!

domingo, 12 de abril de 2009

Mudar o Brasil!!!!!!

Ponha a cara na tela!
Diga o que vc gostaria de melhorar em nosso país!
Acesse http://www.brasilpontoaponto.org.br/
e faça parte!
Vc sabe do que precisamos, e essa é a chance de não ficar calado.
Abra seu coração e participe!

blocado

Ahahahah!Já me acertaram! Tudo de diferente acontece comigo!
Agora meu Blog é pirigoso!

sábado, 11 de abril de 2009

Páscoa

Feliz Páscoa!!!!!!

sociedade


sexta-feira, 10 de abril de 2009

Páscoa


Páscoa, teria tanta coisa á dizer...mas não direi.
Tempo de introspecção, de reconhecimento da humana selvageria,da fragilidade da nossa moral e da podridão do poder.
Tantos foram crucificados depois....e continuarão sendo.
Mas enquanto for feriado, quem se importa???Quem realmente pensa á respeito???
Somente os cristãos, e ás vezes superficialmente.
Sobrevive o coelho e a venda de chocolates.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Mail para os pais

No melhor estilo estorção /chantagem, as crianças te chamam pra brincar?!?!?!?!
Que mundo é esse ?



Linguagem

Tá afim de estudar?Checa isso então!
Não testei, mas é interessante!


http://freelanguage.org/learn/expatriates-com-free-international-multi-lingual-language-exchange-partner-classifieds

Passear!

http://www.virtualtourist.com/travel/Asia/Hong_Kong/Cheung_Chau-1083735/TravelGuide-Cheung_Chau.html
Apaguei a postagem de leitura,vamos é pra rua!

domingo, 5 de abril de 2009

Dia bom


Hoje, o dia foi excepcional!
Praia,churras e um anoitecer maravilhoso,
É, de uma coisa eu tive certeza,
meu lugar ,aquele lugar que abençoa minha alma com paz e tranquilidade
é sem dúvida á beira mar.
Só não consegui descobrir aonde, por enquanto.
Se vc tiver como, ouça a suite dos pescadores de Dorival Caymmi.
Ai ai,minha rede...

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Super bah

http://caminhoneirasdecarcuta.blogspot.com/2008/07/salvao.html
Tô morrendo de rir até agora, passa lá

primeiro de abril!

Dia dos bobos,e quem não foi bobo um dia?
Dia da mentira,quem nunca mentiu nesse mundo?
Comemoremos o primeiro de abril!

NeoCounter